Publicado por: flavioguima | 27 maio, 2008

VIA lança notebook com design “Open Source”

VIA lança notebook com design “Open Source”

Em mais uma iniciativa pioneira da VIA o novo notebook possui design sob licença Creative Commons.

Não é de hoje que a Via Technologies vem inovando e tomando iniciativas pioneiras em busca de espaço no mercado de computadores e componentes.

Quando se fala em Microprocessadores, logo se pensa em Intel ou AMD, quando se fala em Desktop logo se pensa em HP, Dell, Apple, etc. Correndo por fora destes segmentos de mercado sempre esteve o nome da Via Technologies.

Criar um processador tão rápido quanto os Intel ou AMD, ou ainda disputar mercado de desktops com Dell ou Apple é uma tarefa árdua que exige grandes investimentos e tecnologia de ponta.

Neste cenário, vez ou outra, surge algum fabricante ou integrador que tenta fazer concorrência, porém logo desaparece. Não é este o caso da Via Technologies, com uma excelente visão de mercado, a Via sempre teve os pés no chão, não tentou fazer frente aos processadores Intel ou AMD, o que poderia lhe custar caro caso não fosse bem sucedida, pelo contrário, investiu em computação de baixo custo, com sua linha de processadores C3 Samuel que tinham preço baixo e desempenho satisfatório para quem precisa de um computador básico e confiável para tarefas comuns. Lançou uma linha de computadores compactos ideais para PDVs e estações de trabalho. Notebooks modestos em desempenho porém eficientes, estáveis e de baixo custo.

Com esta política de mercado prudente a Via conseguiu se firmar como uma alternativa confiável aos modismos de equipamentos Super-Hiper-Mega avançados que logo são superados e levam os consumistas novamente a uma corrida para comprar o computador com processador de ultima geração. Desta forma a Via permaneceu firme no mercado e comprou a concorrente Cyrix.

A novidade agora é o lançamento do portátil OpenBook, baseado no processador C7-M de 1,6 GHz e no chipset VX800. Suficientes para quem busca um notebook básico, confiável e de baixo custo. E é uma boa alternativa ao que existe hoje principalmente no mercado brasileiro, onde alguns conhecidos integradores vendem notebooks em magazines e lojas de eletromóveis, que na realidade não são de fabricação própria, mas sim equipamentos asiáticos adquiridos sem marca do fabricante original e “embalados” no Brasil sob sua marca. Como é o caso dos notebooks Positivo, que na verdade são da pouco conhecida marca taiwandesa Clevo.

O OpenBook traz ainda tela de 8.9 polegadas com resolução de 1024 por 600 pixels, HD a partir de 80 GB, Wi-Fi e Bluetoth nas versões mais básicas, outras versões trazem WiMax e suporte para redes de celulares como EV-DO, HSPA e WCDMA. Inclui ainda câmera de 2 Megapixel, até 2GB de memória Ram, leitor de cartões, teclado completo e bateria com autonomia de até 4 horas. Suporta Windows Vista, Windows XP e Linux.

O que mais chama a atenção no OpenBook é a iniciativa da Via de Design aberto sob a licença Creative Commons, os arquivos CAD do design do OpenBook podem ser baixados gratuitamente. Podendo ser modificados e reutilizados, a única exigência é atribuir o design original á Via e redistribuir as modificações sob a mesma licença.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Categorias

%d blogueiros gostam disto: